360 veículos Chevrolet Tracker são destruídos no Rio Grande do Sul

0
74

360 veículos Chevrolet Tracker são destruídos por seguradora em Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul, fato ocorreu no mês de maio devido a problemas no transporte marítimo o que ocasionou danos irreparáveis na viagem entre México e Brasil, segundo a notícia.

Devido as extensões dos danos a seguradora optou pelo “esmagamento” dos mesmos e o derretimento com propósito de reciclagem. Não foram informados maiores detalhes de quais danos exatamente ocorreram aos veículos. Sugere-se que o problema tenha sido o contato com a água do mar, foi citado nas redes sociais de que algumas estavam inclusive com o estofamento mofado. Itens como pneus e baterias foram reaproveitados, por esse motivo não puderiam ser comercializados no Brasil.

Trata-se de uma intervenção a fim de evitar problemas de fato do consumidor e o vício oculto, no qual o fabricante possui responsabilidade a partir do momento que é constatado o problema, o que no caso em destaque, se tais danos foram ocasionados pela água do mar, poderiam surgir ferrugens prematuras, sistema elétrico comprometido devido a oxidação, entre outros problemas. Tratando-se desse tipo de vício o Consumidor através do artigo 26, §3° do Código de Defesa do Consumidor, tem como prazo decadencial o momento em que ficar evidenciado o defeito, diferente daquele que o próprio fornecedor instaura que é geralmente de 1 ano, contatos a partir da compra.

Segue vídeo:

Gostou, compartilhe com seus amigos.